Mundo estranho V… O retorno dos bancos centrais para comprar ouro…

Durante as últimas duas décadas, uma série de economistas dos países ricos, notadamente os economistas americanos, pregaram que reservas internacionais eram desnecessárias para quem tinha a reputação de rico. O suposto auto-reconhecimento de estar por cima de todos os outros países lhes conferiu uma auto-confiança que na cabeça deles se tornou inabalável de supremacia absoluta. Então, como podemos errar, se mandamos no mundo? Esta sensação de auto-confinça excessiva trouxe negligências de políticas macro-econômicas e todos os modelos econômicos criados por eles e, implementados por todos, se provou frágil. No fundo, reputação sozinha não ganha o jogo. É preciso ter caixa. Os países emergentes, ao contrário, não tinham nem reputação e nem reservas… Tudo se virou de cabeça para baixo, os países pobres estão repletos de reservas e lastro e os países ricos, a nível governamental, estão pobres. O dólar sem controle de impressão, com base monetária se expandindo sem lastro, torna a moeda sem valor. E estes economistas sugerirarm que manter ouro nas rerservas era desnecessário e gerava prejuízos… E assim, os bancos centrais do mundo todo venderam ouro… E os erros se acumularam, as dívidas públicas aumentaram, moeda foi emitida sem lastro, inflação chegando forte (naturalmente) e a moeda que todos elegeram como moeda de reserva está perdendo vertiginosamente seu valor. Resultado, os bancos centrais em abril de 2011, se viram forçados a sair do dólar e voltar a comprar fortemente o velho e antigo OURO. As cotações do metal já ultrapassarm os USD 1,555 ontem, e irá continuar a subir. Lembrem, que ouro não é investimento pois não gera dividendos nem paga juros, mas apresenta preservação do valor do capital e apreciação que gera ganhos de capital pela demanda aumentada e pela perda de valor das moedas de cotação. Em resumo, o ouro representa o termômetro do medo de perdas financeiras e de preâmbulos de crises e catástrofes financerias.

This entry was posted in Mundo estranho and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s