Primeira amostra: a pequena bolsa de Tel Aviv, despenca e aciona circuit breakers

A Bolsa de Tel Aviv, ebrta neste domingo, foi a primeira amostra da ferocidade dos movimentos que estão por vir. O índice TA 25, que tem um daily turnover de aproximadamente USD 360 milhões em média, e hoje negociou mais de 2,66 billion shekels (USD 756 milhões), caiu 6,99% neste domingo, fechando no nível de 1.074,27 shekels. A bolsa chegou a fechar por 45 minutos, acionando o circuit breaker, para acalmar os ânimos. Só um preâmbulo do que poderá ocorrer amanhã.

This entry was posted in Mundo estranho and tagged , , . Bookmark the permalink.

4 Responses to Primeira amostra: a pequena bolsa de Tel Aviv, despenca e aciona circuit breakers

  1. Paulo Cordeiro says:

    Ricardo, já que dizem que os ativos brasileiros estão baratos, vc acha que poderia haver um movimento especulativo em torno da bolsa brasileira e ela dar uma disparada?
    Para onde iria o capital no seu ponto de vista?

    • tradingcafe says:

      Oi Paulo, os ativos brasileiros não estão todos baratos. A bolsa tem algumas ações que estão com preço bom, mas diante desta crise, a bovespa é utilizada como hedge para outros mercados menos líquidos ou com menos instrumentos de hedge disponíveis. No Brasil, o capital está migrando para a poupança, tesouro nacional e cdb de bancos grandes. No exterior, o dinheiro está migrando para a Suíça, Japão, Guilts Ingleses, Alemanha (com o euro) e para a Suécia, títulos soberanos. Não vejo a bolsa disparando neste momento, eventualmente, quando a crise ceder, daqui há algum tempo, espero… Ainda não. Abs

  2. Paulo Cordeiro says:

    Ricardo, é claro que ninguêm tem bola cristal mas para vc até quantos pontos poderia ir o Ibovespa nessa confusão toda?
    Quais seriam as medidas tomadas pelos governos americano e europeu que poderiam indicar uma reversão desse cenário atual?
    Em relação a Itália e Espanha o que podemos esperar no curto prazo em relação aos problemas econômicos enfrentados por esses países?
    Ab

    • tradingcafe says:

      Oi Paulo, a maioria dosgovernos não tem dinheiro para bancar um resgate do mercado todo e nem devem. Só na semana passada, USD 2,5 trilhões sumiram em perdas nas bolsas. Depois temos as commodities e os bancos e empresas, os países… O que eles podem tentar fazer e deveriam, era suspender as operações de short selling (venda a descoberto) cortando limites por completo, proibir o aluguel de ações, limitar vendas de futuros para tentar minimizar o problema. Possível mas difícil. Com relação a Itália e a Espanha, os problemas são contornáveis porque estes países tem poupança, os governos tem reservas, o Banco Central Europeu vai comprar a dívida destes países, eles podem cortar gastos com mais facilidade e ambos tem economias fortes, que produzem, que exportam e sobretudo, ELES NÃO PODEM EMITIR MOEDA quando quiserem, como os americanos fizeram. A verdade dos fatos é que a crise da Europa foi aumentada por interesses, porque o Euro é a única moeda que pode de fato substituir o dólar como moeda de reserva no mundo… O PIB europeu é superior a USD 16 trilhões de dólares, o maior do mundo individualmente. Sobre a bola de cristal… A crise que se formou pode levar a Bovespa aos 30 mil pontos, ou até menos, minha opinião. abs

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s