Tudo igual, anglo-saxões no ataque e europeus confusos na defesa

Depois de uma semana sem ligar o computador ou ler um jornal, encontramos o mercado idêntico em sua dinâmica, sem ingredientes novos. O euro um pouco mais baixo, o ouro de volta acima de USD 1.620, as bolsas em níveis similares ou mais para baixo. Novidades desta semana:
1) Estou de volta
2) Quase terminei meu livro
3) A França propõe lançamento de um imposto sobre operações financeiras, IOF, e deve implacar, já teve o apoio de Mario Draghi da Italia e o terá também de Angela Merkel.
4) Lendo a mídia americana é explícito o movimento de denigrir o Euro e a Europa.
5) Os Europeus, ainda confusos, não conseguem organizar uma defesa sólida e coerente.

Minha visão continua firme que o Euro está firme e vai continuar firme.

Uma ótima semana a todos.

This entry was posted in Mundo estranho and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink.

5 Responses to Tudo igual, anglo-saxões no ataque e europeus confusos na defesa

  1. Vitor says:

    Ricardo, que bom te-lo de volta.
    Acompanho seu blog desde seu inicio.Comecei a acompanha-lo, apos pesquisas sobre bolha imobiliaria.
    Como vc sugere sempre ,pretendo ficar liquido, para no futuro comprar minha casa.
    Acredito que o real deve se desvalorizar em breve.
    Assim ,depois de pesquisar sobre fundos cambiais,fiquei receoso em aderir-los.
    No momento mantenho todo meu capital em tesouro direto e um boa renda fixa do BB.(fora previdência privada e alguns trades rápidos)
    Minha dúvida:
    Quais opções o cliente bancário de varejo(private),tem para se proteger de uma maxidesvalorização do Real?
    Abraço, Vitor.
    OBS:aguardo noticias do seu livro.

    • tradingcafe says:

      Oi Vitor, obrigado peloas comentários, fico feliz. Temos preços uma bolha de preços aqui no Brasil, gigante aliás, em todos os produtos e não somente nos imóveis. Duas formas de corrigirmos essa discrepância, uma com uma alta considerável da inflação e outra, mais imediata, seria uma grande (ou maxi até) desvalorização do Real contra o dólar. Nas duas alternativas teremos que corrigir a perda do poder de compra com uma alta compatível dos juros. Não acredito que teremos uma maxi desvalorização no curto prazo principalmente devido à fraqueza da economia americana e a estratégia (errada, alías) do governo americano de manter por período prolongado taxas de juros próximas a zero porcento. Se os americanos aumentarem a taxa de juros deles, aí teremos uma fuga de capitais daqui e de outras praças que poderia causar uma mai desvalorização e corrigir os preços do Brasil em comparativos internacionais. Respondendo tua pergunta: 1) fundos cambiais são razoáveis mas não lineares na proteção cambial, porque apesar de serem denominados em dólares ou euros, eles investem os recursos em títulos, que, no advento de uma maxi-desvalorização, teremos uma queda abrupta nos preços dos ativos do fundo. Voc~e ganha com o dólar mas perde com a reprecificação dos ativos do portfolio, não é linear e nem adequado. 2) Os títulos que você tem no tesouro direto e CDB do BB, são bons para a proteção se forem de curto prazo ou indexaqdos à inflação. De curto prazo eles vencem logo e você poderá investir nas novas taxas de mercado que irão subir para coibir a fuga de capitais do país (que em efeito, fisicamente, causam a desvalorização do real). Se indexados à inflação, eles serão corrigidos por que a inflação irá subir, os indexadores terão que ser corrigidos para cima e você terá uma boa proteção do capital.
      3) Numa desvalorização cambial, a melhor proteção seria ter o dólar no portfolio, só que não compensa porque não paga juros adequados. 4) As commodities internacionais, são cotadas em dólares. Desta forma, se o dólar subir contra o real voc~e estará protegido. Qual commodity comprar? um fundo de commodities que contenha petróleo e ouro. 5) Comprar ouro é a melhor proteção, se houver inflação, o real perde valor, o ouro terá que ser corrigido pelo dólar… Dê uma olhada nos fundos que existem e nos falamos depois.
      O meu segundo livro deve ficar pronto este mês e será lançado em Março, na Livraria Cultura da Paulista, conjunto nacional. O primeiro está esgotado, só tem disponível em alguns sebos… vou fazer uma segunda edição junto com o lançamento do segundo.
      valeu! abs

  2. Andre Luiz says:

    Bem vindo, Ricardo.

    Senti falta dos seus posts, mas férias são sagradas😀

    Abraços.

    • tradingcafe says:

      Grande André, obrigado amigo. Sim, e já fazia tempo que eu tirei da última vez… é isso aí, estamos juntos de novo! abs e um fantástico 2012 para nós todos.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s