Felicidade = Consumo = Voto… Vocabulário do governo, a Idiocracia instaurada

Nosso governo não acha, não, não acha, tem absoluta certeza que somos 190 e tantos milhões de idiotas no Brasil. No toma lá da cá, em troca de taxas mais baixas (e tarifas diversas mais altas, mantendo o lucro dos bancos…) o governo “liberou” BRL 18 bilhões que estavam retidos como depósitos compulsórios jutno ao BC para as instuições financeiras. A explicação é que este dinheiro serve “apenas” para financiamento de veículos… (ahahahah, desculpa, não dá para segurar…). Uma vez que o dinheiro está na conta, ele deixa de ter cor… A roupagem da liberação não importa de fato, o fato real é que esta medida é inflacionária num período em que a Selic está sendo cortada no machado, deixando as taxas de juros reais quase negativas ou negativas de fato. Estão confundindo felicidade com consumo e isto nos levará para o mesmo buraco de crises econômicas vistas em outros países. A inflação já está alta, tornando o melhor investimento aqui no Brasil os títulos do Tesouro Nacional atrelados ao IPCA e ao IGP-M, as NTNs. Essa bolha de consumo que é tida como felicidade que assegura a popularidade do governo e rende votos nas urnas vai estourar e o estrago será grande. O crescimento sustentável é um trabalho árduo, de muitos anos, décadas as vezes e estas medidas consumistas não naturais forçadas pelo governo, irão causar uma recessão econômica que durará anos para ser contornada. A população está endividada, a inadimplência já está alta e consumir em excesso não traz felicidade para ninguém, é apenas um novo vício… O governo, ao invés de trabalhar para realmente arrumar os erros estruturais do nosso país, com impostos altos e arrecadação mal gasta, está desestruturando ainda mais o país. A alta do dólar, que segundo o governo, seria benéfica para as indústrias já está comprovada que não resolveu… O custo Brasil é tão elevado que as indústrias optaram no passado recente em terceirizar parte do processo produtivo para produtos importados (semi-desindustrialização ou processo de…) … O dólar baixo, a concorrência da China, tornavam os produtos acessíveis e com preços competitivos. Com o custo Brasil inalterado, com o dólar alto, as indústrias não conseguem retroagir rapidamente para substituir o produto importado pelo nacional… tornando tudo mais caro. A inflação vai subir… mesmo que nosso presidente do Banco Central faça seu discurso para dizer o contrário. Títulos públicos atrelados à inflação, alternativa de investimento mais rentável e segura hoje. Bolhas por toda parte…

This entry was posted in Mundo estranho and tagged , , , . Bookmark the permalink.

9 Responses to Felicidade = Consumo = Voto… Vocabulário do governo, a Idiocracia instaurada

  1. Gianluca says:

    Olá Ricardo! Por favor me responda essa que eu não aguento mais a dúvida, principalmente com relação à segunda pergunta.

    Eu já arrumei muita briga com amigos defendendo a ideia de que o remédio usado vai matar o paciente!! Eles insistem em dizer que não! Que o governo está ajudando os pobres, enfim, isso só deixa claro o quanto fomos mal educados com relação à isso.
    Mas minha pergunta aqui é outra, vejo que o dólar junto ao Euro estão subindo radicalmente!! De acordo com sua “previsão” essa tendência deve se pronlongar para os próximos meses, ou em breve voltaremos aos patamares de baixa tanto do dólar quanto do euro? E uma pergunta que eu estou louco para esclarecer é: Se uma moeda mais fraca, favorece as exportações, isso seria bom nesse momento de crise para Europa, mas porque vejo tanto nos jornais italianos por exemplo a mensagem: “Euro cada vez pior frente ao dólar!” como se isso fosse algo ruim, ou seja, não entendo porque transmitem essa mensagem como se um euro fraco com relação ao dólar fosse algo não desejável, mas se isso favorece exportações, qual o problema??

    Agradeço muito sua disponibilidade, leio seu blog diariamente.
    Abraços!

    • tradingcafe says:

      Ciao carissimo, quantas perguntas, huh??? Concordo com você, o remédio vai matar o paciente… Sim, o governo brasileiro administra o país como um banco de investimento, arruma os indicadores e os ratios, aparece bem nas fotos e gera esta impressão de que o governo governa para os pobres. Tão mentira qunato os bancos de investimentos quando preparam uma empresa para abrir capital nas bolsas… Arrumam os números, escovam os dentes e fazem um tremendo make-up para enfeitar o bolo… Enfim, ilusão, mais uma… Com relação à tua pergunta, o Euro vale mais que o dólar e vai continuar assim. Depois que a Grécia eventualmente sair da zona do Euro, os interesses internacionais vão colocar pressão na Espanha, na Irlanda e em Portugal. A briga é feia porque o problema atual é a disputa pela hegemonia de moeda de troca e totalidade de conversibilidade. O dólar estava perdendo a briga feio desde que o Euro foi lançado veramente, em 2001. A hegemonia americana da moeda está em disputa e a economia americana demonstra porque isto está ocorrendo, com aumento da base monetário dem lastro real, em ouro ou em crescimento econômico (Purchasing Power Parity- PPP). Desta forma, é difícil prever quem vai ganhar, eu, pessoalmente, aposto no Euro forte, após os ajustes e centrado no cuore do bloco, com Itália, Espanha e Portugal dentro da zna do euro. Na segunda pergunta, temos dois efeitos aqui, o macro-econômico, que reza como você disse, que a queda da paridade de cotação da moeda é benéfica para a economia, tornando os produtos mais competitivos e mais baratos no mercado internacional, fazendo com que a economia cresça com maiores vendas para o exterior. O segundo efeito é subjetivo e de fundo psicológico: a produtividade, eficiência e “felicidade” que geram a euforia do crescimento econômico é resultante de um povo que detém sua moeda forte, com ´poder comparativo de compra com relação ao exterior, gera um orgulho positivo para o crescimento. Enquanto o dólar estava forte, havia crescimento econômico nos Estados Unidos… Com a percepção de moeda fraca, como tivemos por muitos anos no Brasil, gera um pessimismo e falta de auto-confiança na nação… Espero ter respondido, Gianluca, abs

      • Gianluca says:

        Maravilhosa resposta meu caro Ricardo! Ficou muito grato e feliz por ter esclarecido minhas dúvidas!

        Abraços !! Ciao Ciao!

  2. mauricio says:

    a inflação vai ficar dentro do esperado, como no ano passado.

    nada como uma mudança no cálculo, afinal, se o termômetro está marcando 40 de febre, mude-se o termômetro

    e o dólar, não? vi agora a 2.09

  3. Andre Luiz says:

    O que eu fico impressionado é que aconteceu igualzinho nos EUA e em outros países menos famosos e o Brasil insiste na fórmula que comprovadamente não deu certo.

    Abraços.

  4. Cassio Lopez says:

    Nao existe limites para o regime populista de trazer felicidade aos eleitores…. veja o exemplo da Bolivia, que por uma taxa legaliza carros que nao tem digamos uma procedencia regulamentada…..

  5. Bruno Costa de Oliveira says:

    Enquanto na Europa os temerosos jogam suas cartas na austeridade severa, no Brasil, onde neste ano a inadimplência bateu recorde, o Governo incentiva o consumismo com dívidas a prazo. Políticas eleitoreiras e ineficazes, para não dizer arriscadas. Eu que não sou economista, mas, no entanto, aprecio a disciplina, acredito que a melhor jogada para um país em desenvolvimento se proteger da crise que bate à porta, seria investir no crescimento. Porém, isso significa investir na educação, infraestrutura, etc, etc, etc… Sabemos que isso não dá voto, pois seus efeitos são a longuíssimo prazo.
    Nesse momento, o que é benevolente para os insensatos é um fogão novo… (Salve o Deus da linha branca) ou um carro zerinho com prestações infinitas…
    Mas realmente o que importa são os elefantes brancos construídos para 2014…
    Fique certo, que a Excelentíssima Presidenta Dilma acende uma vela de sete dias todo dia para o nosso técnico Mano Meneses… Ai do PT se perdemos a Copa!!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s